Homem com H maiúsculo

Homem com H maiúsculo
Por que o homem é a maior obra de arte

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

O Casal Arnolfini


Eu, que sou um eterno aspirante a artista frustrado, não deixo nunca de babar quando vejo uma obra de arte que me impacta! Cinema, música, teatro, teledramaturgia, literatura... ai, como são lindas as musas e a luz que emana delas! 
Nesses dias em que tenho ministrado muitas aulas sobre artes plásticas (Renascimento no primeiro ano e Missão Artística Francesa no segundo), estou todo serelepe navegando pelo Google atrás de belos quadros para ilustrar as exposições. No percurso, acabei me deparando com um quadro que conheci durante o meu Ensino Médio e do qual eu jamais esqueci. Se trata de O Casal Arnolfini, obra do holandês Jan Van Eyik, de 1434. Na ocasião em que fui apresentado à obra, minha professora de literatura fez um grande discurso sobre o debate em torno do seu significado, que seria a representação de um casamento escondido entre Giovanni Arnolfini e Giovanna Cenami, casal de Bruges (atual Bélgica). Há vários detalhes interessantes, como o cachorro (representaria a fidelidade?) e o espelho, de onde se vê refletido o próprio pintor e o casal.
Mas o que me chamou a atenção, dessa vez, foi a obra de um mexicano chamado Benjamin Dominguez, que pintou (já no século XX) uma série de quadros inspirados na pintura de Eyik. Agradável descoberta, possibilitada pelo Google. Adorei tanto que quis registrar aqui: primeiro a bela obra original e depois as obras nela inspiradas.








Não são lindos???
:)

2 comentários:

  1. por que todas as repinturas tem algo simbolizando o sexo?

    ResponderExcluir
  2. Bom, o quadro original é um casamento e tem uma cama no fundo, que me faz pensar na noite de núpcias.

    ResponderExcluir